6 de agosto de 2012

Noite estranha

Bom dia pessoal!

Resumo rápido do final de semana:
Saturday - Acordei, limpei casa, fui pra casa da Cris à pé (milagre), depois fui ver a Sara, que estava um arraso de linda, voltei pra casa e dormi
Domingo - Acordei cedo, fui pro almoço de aniversário da minha prima Solange, comi tanto tanto tanto que a barriga ficou até doendo (talvez isso explique o que passei durante a noite)


O fato que venho contar hoje, é mais ou menos o que eu tinha contado posts atrás, sobre minha insônia, só que com algumas novidades!

Depois de chegar em casa, umas 7h da noite, tomei um banho quente e nao quis jantar, o bebê estava mexendo mesmo eu estando em pé, coisa que nunca tinha visto, me sequei, e fui pro quarto, deitei, passei creme na barriga, cantando com a voz mais suave que pude, a música "Se tu quiseres crer" (versão Robson Monteiro), ele foi se acalmando, e finalmente parou. Aparentemente eu ia ter uma noite tranquila.

APARENTEMENTE.

Depois de ver o Fantástico com meus pais (porcaria de Phantasmagoria) fui deitar, e logo começaram as reviravoltas. Geralmente nao me incomoda, mas eu estava terrivelmente cansada, e ele estava mexendo em todos os lados, como se tivesse 6 braços e 8 pernas!

image

Insisti no lado esquerdo, e barriga pra cima, como não teve jeito, disse "tá bom, só um pouquinho tá?" virei do lado direito, e como ele acalmou, acabei dormindo

Acordei 2h da manha (o horário mágico) num susto, porque ele não tinha se mexido mais, e logo pensei "pronto, matei meu filho sufocado meu Deus!"

Fui no banheiro, e na volta, deitei meio grogue, pensando em "veia cava" e "sufocamento por cordão umbilical", deitei do lado esquerdo, e não passou nem um minuto, ele começou a mexer de novo... ahhh Deus! Aí não dormi mais, só cochilei algumas vezes, mas não mudei mais de posição

Em suma, acordei com caimbra no braço esquerdo, um sono da moléstia do cachorro doido, e agora vou passar a semana toda tentando recuperar o viço!

image

Beijos, e até mais tarde, preciso contar da Dra. Claudia (nutricionista), mas venho quando eu estiver mais disposta!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oba! Adoro quando você comenta!