25 de julho de 2013

E chega o inverno!



Época de ficar debaixo das cobertinhas, curtindo um chocolatinho quente, assistindo um filminho interessante.... Só que não!

O Victor simplesmente se recusa a ficar embaixo das cobertas, agora que está aprendendo a andar, a não ser que na TV esteja passando pelo que me parece ser a milésima vez (no mesmo dia) o seu amado DVD do Cocoricó.

E eu, como boa mãe que sou (ahan), pra não deixar ele pelo chão frio, além de colocar duas blusas de manga, uma blusa de frio, touca, duas calças (meu amigo Samuel, de Barbacena -MG, diz que ele fica igual a um dos personagens de South Park), deixo o tal DVD rolando.


 Quando não aguento mais o Júlio com aquela gaita duzinfernu, eu encosto a cama na parede, e deixo ele treinar e cansar um pouco as pernas. Quando ele se irrita de vez, que nem Cocoricó, e nem a cama resolvem, a mula de carga têm que ficar em pé com ele, passeando pela casa!

Ser mãe é padecer no paraíso, mas ninguém me disse que esse paraíso era no inverno, e só com uma folhinha pra cobrir nossas partes!

Mas chega de trololó, vamos às minhas dicas pra essa estação:

Água - Não descuidem da hidratação dos pequenos (e a sua também), só porque não está calor. Apesar do corpo demorar mais tempo pra expelir os líquidos ingeridos no inverno, devemos nos atentar para o consumo de água, que ajuda até mesmo a prevenir gripes e resfriados, muito comuns nessa época do ano!

Pele - A temperatura fria, os ventos gelados, e o possível tempo seco, podem fazer os lábios racharem, a pele descamar, os olhos ficarem irritados, por isso caprichem nos hidratantes (existem para bebês também), a famosa manteiga de cacau (baratinho na farmácia) pra não ficar uma mamis feiosa e craquelenta!

Passeios - Evitem sair de casa com bebês com menos de quatro meses de idade para lugares com aglomerações de pessoas. Nessa idade, as defesas do organismo ainda não estão desenvolvidas.

Quarto - Manter a casa e principalmente o quarto do bebê arejado e limpo. É importante não ter nada que possa acumular pó, pois os ácaros (grande causador de alergias respiratórias) costumam se fixar em objetos como bichinhos de pelúcia, tapetes, cortinas, protetor de berço, mosquiteiro, almofadas, caixas de brinquedos

Umidifique o ar - Uma das soluções caseiras mais conhecidas é a da toalha molhada na janela. Outra é Um balde (ou vasinho) com água para locais fechados cheio de pessoas, é funcional para umidificar o ar.  



Um grande beijo, e aproveitem a minha estação preferida do ano (ou era, até o vic nascer! rs)

Um comentário:

  1. ótimas dicas, pena que aqui não faz frio de jeito maneira rsrsrs

    ResponderExcluir

Oba! Adoro quando você comenta!